Job 17

Meu espírito está arruinado, meus dias vão se extinguindo, e a sepultura já etá pronta para mim. Comigo há ninguém além de zombadores, e meus olhos são obrigados a ficar diante de suas provocações. Concede-me, por favor, uma garantia para comigo; quem outro há que me dê a mão? Pois aos corações deles tu encobriste do entendimento; portanto não os exaltarás. Aquele que denuncia a seus amigos em proveito próprio, também os olhos de seus filhos desfalecerão. Ele tem me posto por ditado de povos, e em meu rosto é onde eles cospem. Por isso meus olhos se escureceram de mágoa, e todos os membros de meu corpo são como a sombra. Os íntegros pasmarão sobre isto, e o inocente se levantará contra o hipócrita. E o justo prosseguirá seu caminho, e o puro de mãos crescerá em força. 10 Mas, na verdade, voltai-vos todos vós, e vinde agora, pois sábio nenhum acharei entre vós. 11 Meus dias se passaram, meus pensamentos foram arrancados, os desejos do meu coração. 12 Tornaram a noite em dia; a luz se encurta por causa das trevas. 13 Se eu esperar, o mundo dos mortos será minha casa; nas trevas estenderei minha cama. 14 À cova chamo: Tu és meu pai; [e] aos vermes: [Vós sois] minha mãe e minha irmã. 15 Onde pois estaria agora minha esperança? E minha esperança quem a poderá ver? 16 Descerão aos ferrolhos do mundo dos mortos? Descansaremos juntos no pó da terra?
Copyright information for PorLivre