Proverbs 19

Melhor é o pobre que anda em sua honestidade do que o perverso de lábios e tolo. E não é bom a alma sem conhecimento; e quem tem pés apressados comete erros. A loucura do homem perverte seu caminho; e seu coração se ira contra o SENHOR. A riqueza faz ganhar muitos amigos; mas ao pobre, até seu amigo o abandona. A falsa testemunha não ficará impune; e quem fala mentiras não escapará. Muitos suplicam perante o príncipe; e todos querem ser amigos daquele que dá presentes. Todos os irmãos do pobre o odeiam; ainda mais seus amigos se afastam dele; ele corre atrás deles com palavras, mas eles nada lhe respondem. Aquele que adquire entendimento, ama sua alma; quem guarda a prudência encontrará o bem. A falsa testemunha não ficará impune; e quem fala mentiras perecerá. 10 O luxo não é adequado ao tolo; muito menos ao servo dominar sobre príncipes. 11 A prudência do homem retém sua ira; e sua glória é ignorar a ofensa. 12 A fúria do rei é como o rugido de um leão; mas seu favor é como orvalho sobre a erva. 13 O filho tolo é uma desgraça ao seu pai; e brigas da esposa são como uma goteira duradoura. 14 A casa e as riquezas são a herança dos pais; porém a mulher prudente vem do SENHOR. 15 A preguiça faz cair num sono profundo; e a alma desocupada passará fome. 16 Quem guarda o mandamento cuida de sua alma; e quem despreza seus caminhos morrerá. 17 Quem faz misericórdia ao pobre empresta ao SENHOR; e ele lhe pagará sua recompensa. 18 Castiga a teu filho enquanto há esperança; mas não levantes tua alma para o matar. 19 Aquele que tem grande irá será punido; porque se tu o livrares, terás de fazer o mesmo de novo. 20 Ouve o conselho, e recebe a disciplina; para que sejas sábio nos teus últimos dias. 21 Há muitos pensamentos no coração do homem; porém o conselho do SENHOR prevalecerá. 22 O que se deseja do homem é sua bondade; porém o pobre é melhor do que o homem mentiroso. 23 O temor ao SENHOR encaminha para a vida; aquele que o tem habitará satisfeito, nem mal algum o visitará. 24 O preguiçoso põe sua mão no prato, e nem sequer a leva de volta à boca. 25 Fere ao zombador, e o ingênuo será precavido; e repreende ao prudente, e ele aprenderá conhecimento. 26 Aquele que prejudica ao pai ou afugenta a mãe é filho causador de vergonha e de desgraça. 27 Filho meu, deixa de ouvir a instrução, então te desviarás das palavras de conhecimento. 28 A má testemunha escarnece do juízo; e a boca dos perversos engole injustiça. 29 Julgamentos estão preparados para zombadores, e açoites para as costas dos tolos.
Copyright information for PorLivre