Proverbs 21

Como ribeiros de águas é o coração do rei na mão do SENHOR, ele o conduz para onde quer. Todo caminho do homem é correto aos seus próprios olhos; mas o SENHOR pesa os corações. Praticar justiça e juízo é mais aceitável ao SENHOR do que sacrifício. Olhos orgulhosos e coração arrogante: a lavoura dos perversos é pecado. Os planos de quem trabalha com empenho somente levam à abundância; mas os de todo apressado somente à pobreza. Trabalhar para obter tesouros com língua mentirosa é algo inútil e fácil de se perder; os que assim fazem buscam a morte. A violência praticada pelos perversos os destruirá, porque se negam a fazer o que é justo. O caminho do homem transgressor é problemático; porém a obra do puro é correta. É melhor morar num canto do terraço do que numa casa espaçosa com uma mulher briguenta. 10 A alma do perverso deseja o mal; seu próximo não lhe agrada em seus olhos. 11 Castigando ao zombador, o ingênuo se torna sábio; e ensinando ao sábio, ele ganha conhecimento. 12 O justo considera prudentemente a casa do perverso; ele transtorna os perversos para a ruína. 13 Quem tapa seu ouvido ao clamor do pobre, ele também clamará, mas não será ouvido. 14 O presente em segredo extingue a ira; e a dádiva no colo acalma o forte furor. 15 Alegria para o justo é fazer justiça; mas isso é pavor para os que praticam maldade. 16 O homem que se afasta do caminho do entendimento repousará no ajuntamento dos mortos. 17 Quem ama o prazer sofrerá necessidade; aquele que ama o vinho e o azeite nunca enriquecerá. 18 O resgate em troca do justo é o perverso; e no lugar do reto fica o transgressor. 19 É melhor morar em terra deserta do que com uma mulher briguenta e que se irrita facilmente. 20  tesouro desejável e azeite na casa do sábio; mas o homem tolo é devorador. 21 Quem segue a justiça e a bondade achará vida, justiça e honra. 22 O sábio passa por cima da cidade dos fortes e derruba a fortaleza em que confiam. 23 Quem guarda sua boca e sua língua guarda sua alma de angústias. 24 “Zombador” é o nome do arrogante e orgulhoso; ele trata os outros com uma arrogância irritante. 25 O desejo do preguiçoso o matará, porque suas mãos se recusam a trabalhar; 26 Ele fica desejando suas cobiças o dia todo; mas o justo dá, e não deixa de dar. 27 O sacrifício dos perversos é abominável; quanto mais quando a oferta é feita com má intenção. 28 A testemunha mentirosa perecerá; porém o homem que ouve a verdade falará com sucesso. 29 O homem perverso endurece seu rosto, mas o correto confirma o seu caminho. 30 Não há sabedoria, nem entendimento, nem conselho contra o SENHOR. 31 O cavalo é preparado para o dia da batalha, mas a vitória vem do SENHOR.
Copyright information for PorLivre