Proverbs 29

O homem que endurece o pescoço, insistindo no erro depois de muitas repreensões será tão destruído que não terá mais cura. Quando os justos se engrandecem, o povo se alegra; mas quando o perverso domina, o povo geme. O homem que ama a sabedoria alegra a seu pai; mas o companheiro de prostitutas gasta os bens. O rei por meio da justiça firma a terra; mas o amigo de subornos a transtorna. O homem que lisonjeia a seu próximo arma uma rede para seus pés. Na transgressão do homem mau há uma armadilha; mas o justo se alegra e se enche de alegria. O justo considera a causa judicial dos pobres; mas o perverso não entende este conhecimento. Homens zombadores trazem confusão a cidade; mas os sábios desviam a ira. O homem sábio que disputa no julgamento contra um tolo, mesmo se perturbado ou rindo, não terá descanso. 10 Homens sanguinários odeiam o honesto; mas os corretos procuram o seu bem. 11 O louco mostra todo o seu ímpeto; mas o sábio o mantém sob controle. 12 O governante que dá atenção a palavras mentirosas, todos os seus servos serão perversos. 13 O pobre e o enganador se encontram: o SENHOR ilumina aos olhos de ambos. 14 O rei que julga aos pobres por meio da verdade, seu trono se firmará para sempre. 15 A vara e a repreensão dão sabedoria; mas o rapaz deixado solto envergonha a sua mãe. 16 Quando os perversos se multiplicam, multiplicam-se as transgressões; mas os justos verão sua queda. 17 Castiga a teu filho, e ele te fará descansar, e dará prazeres à tua alma. 18 Não havendo visão profética, o povo fica confuso; porém o que guarda a lei, ele é bem-aventurado. 19 O servo não será corrigido por meio de palavras; porque ainda que entenda, mesmo assim ele não responderá corretamente. 20 Viste um homem precipitado em suas palavras? Mais esperança há para um tolo do que para ele. 21 Aquele que mima a seu servo desde a infância, por fim ele quererá ser seu filho. 22 O homem que se irrita facilmente levanta brigas; e o furioso multiplica as transgressões. 23 A arrogância do homem o abaterá; mas o humilde de espírito obterá honra. 24 Aquele que reparte com o ladrão odeia sua própria alma; ele ouve maldições e não o denuncia. 25 O temor do homem arma ciladas; mas o que confia no senhor ficará em segurança. 26 Muitos buscam a face do governante; mas o julgamento de cada um vem do SENHOR. 27 O justos odeiam ao homem perverso; e o injusto odeia aos que andam no caminho correto.
Copyright information for PorLivre