Psalms 140

Salmo de Davi, para o regente:

Livra-me do homem mau, SENHOR; guarda-me dos homens violentos, Que pensam maldades no coração; todo dia se reúnem para fazerem guerra. Eles afiam suas línguas como a cobra; veneno de serpentes debaixo de seus lábios. (Selá) Guarda-me, SENHOR, das mãos do perverso; guarda-me do homens violentos, que pensam em empurrar os meus pés. Os arrogantes me armaram ciladas e cordas; estenderam uma rede de um lado do caminho; e puseram laços de armadilhas para mim. (Selá) Eu disse ao SENHOR: Tu [és] meu Deus; inclina teus ouvidos à voz de minhas súplicas, SENHOR. Ó Senhor DEUS, força de minha salvação, cobriste minha cabeça no dia da batalha. Não concedas ao perverso os desejos dele, SENHOR; não permitas suceder seu plano maligno, pois senão se exaltariam. (Selá) Quanto à cabeça dos que me cercam, que a opressão de seus próprios lábios os cubra. 10 Caiam sobre eles brasas vivas; faça-os cair no fogo e em covas profundas, para que não se levantem mais. 11 O homem de língua maligna não se firmará na terra; o mal perseguirá o homem violento até derrubá-lo. 12 Eu sei que o SENHOR cumprirá a causa do aflito, o direito dos necessitados. 13 Certamente os justos agradecerão ao teu nome; os corretos habitarão perante teu rosto.
Copyright information for PorLivre