Psalms 9

Salmo de Davi, para o regente, em “Mute-Laben”:

Louvarei a ti, SENHOR com todo o meu coração; contarei todas as tuas maravilhas. Em ti eu ficarei contente e saltarei de alegria; cantarei a teu nome, ó Altíssimo. Meus inimigos voltaram para trás; eles caem e perecem diante de ti. Porque tu fizeste conforme meu direito e minha causa; tu te sentaste no teu tribunal e julgaste com justiça. Severamente repreendeste às nações, destruíste ao perverso; tu tiraste o nome dele para sempre e eternamente. Ao inimigo, as destruições já se acabaram para sempre. E tu arrasaste as cidades, e já pereceu sua memória com elas. Mas o SENHOR se sentará para governar eternamente; ele já preparou seu trono para julgar. Ele mesmo julgará ao mundo com justiça; e corretamente fará justiça aos povos. O SENHOR será um refúgio para o aflito; um refúgio em tempos de angústia. 10 E confiarão em ti os que conhecem o teu nome; porque tu, SENHOR, nunca desamparaste aos que te buscam. 11 Cantai ao SENHOR, que habita em Sião! Contai entre os povos as obras dele. 12 Porque ele investiga os derramamentos de sangue, e lembra-se deles; não se esquece do clamor dos que sofrem. 13 Tem misericórdia de mim, SENHOR; olha para o meu sofrimento, causado pelos que me odeiam; tu, que me levantas para fora das portas da morte. 14 Para que eu conte todos os teus louvores nas portas da filha de Sião, e me alegre em tua salvação. 15 As nações se afundaram na cova que elas fizeram; o pé delas ficou preso na rede que esconderam. 16 O SENHOR foi conhecido pelo juízo que fez; o perverso foi enlaçado pelas obras de suas próprias mãos. (Higaiom, Selá) 17 Os perversos voltarão ao mundo dos mortos; e também todas as nações que se esquecem de Deus. 18 Porque o necessitado não será esquecido para sempre; nem a esperança dos oprimidos perecerá eternamente. 19 Levanta-te, SENHOR, não prevaleça o homem contra ti; sejam julgadas as nações diante de ti. 20 Põe medo neles, SENHOR; saibam as nações que eles são meros mortais. (Selá)
Copyright information for PorLivre